Aviso!

ATUALIZAÇÃO em: 03/03/21

Vamos passar por uma reformulada no Layout em breve e aí, todas as postagens que estão com probleminhas de chá de sumiço de imagens e partes do texto, vão finalmente ressurgir das cinzas como uma fênix. Também estamos vendo nossas artes, principalmente as logos usadas por nós, em produtos comerciáveis e gostaria de pedir que não roubem as imagens do site, pois todas foram compradas para serem únicas e exclusivas. O logo, a edição das capas, tudo. Se virmos espalhadas por aí, vamos processar, porque temos direito de imagem sobre elas, agora, tá? Beijos de luz!

sábado, 11 de janeiro de 2020

SuperM | O retorno da turnê “SuperM – We are the Future”

Algo no ar diz que 2020 será o ano do SuperM. - Ou, sou eu, mera fã quem está quase certa sobre isso. - Mas, pelo menos, é o que a indústria promete. Em outubro, o super grupo 'SuperM', formado por 4 (quatro) outros consolidados grupos do mundo do Kpop, finalmente debutou em um palco montado em frente ao prédio da Capitol Records (Hollywood), empresa com quem a SM Entertainment firmou parceria para o SuperM. - Como contei aqui.
Apenas 8 (oito) dias depois de sua estreia - falei aqui - o SuperM havia ganhado o 1º lugar no chart da Billboard 200 (o mais difícil e concorrido) e muitos outros gráficos da revista semanal estadunidense especializada em informações sobre a indústria musical. Em alguns, permanece no chart da BB200 até hoje, oscilando nas posições. E se manteve em 1º lugar por 9 semanas consecutivas, no World Albuns Music, caindo para o 2º na décima semana e voltando para o 1º na 11ª semana.


segunda-feira, 30 de dezembro de 2019

ESPECIAL | A superação do Kim Woo Bin

Eu não saberia lidar com o fato de não falar sobre o Kim Woo Bin, por aqui. Primeiro, porque o acho um excelente ator, sendo ele uma participação especial (To the beautiful you) - dorama com o Choi MinHo do SHINee. - Ou protagonista secundário (The Heirs). Ou, ainda, personagem principal (Uncontrollably Fond). Segundo que ele, finalmente, venceu e superou a mais difícil batalha de sua vida: a luta contra o câncer. Que, no caso dele, era raríssimo, o que o torna, duplamente, um vencedor! E, por último, pela pessoa incrível e guerreira que ele é.  E que comece a primeira parte do:

Especial destinado ao Kim Woo Bin. *-*


segunda-feira, 16 de dezembro de 2019

KMOVIE | Battle of Jangsari

Battle of Jangsari é um Kmovie (filme coreano) que narra uma parte real da história da Guerra das Coreias que, por algumas décadas, esteve em segredo de segurança. Não é novidade que o SHINee esteja em hiatus por conta dos membros que estão servindo o exército sul coreano. Choi MinHo, pouco antes de se alistar em 15 de Abril de 2019, esteve gravando o filme Batlle of Jangsari. - Curiosa ou coincidentemente, Minho se ofereceu para servir a Marinha e ficará no exército coreano até 14 de Novembro de 2020. - E é justamente sobre este filme, lançado teatralmente na Coreia do Sul em 25 de Setembro e nos EUA em 4 de Outubro, pela Well Go USA., do qual Minho foi um dos personagens principais, que vou falar, hoje.



Battle of Jangsari é o segundo filme de uma trilogia, contando como primeiro, Operation Chromite, lançado em 27 de Julho de 2016, que embora apresente uma versão fictícia da histórica operação de inteligência militar da CIA / EUA, é baseado em fatos reais de antes da operação de pouso. O segundo filme irá contar a comovente e corajosa operação de pouso na praia de Jangsari.

Origem: Kmovie
Gênero: Guerra / Ação
Direção: Kwak Kyung-taek
Produção: Taewon Entertainment 
Distribuição: Warner Bros
Duração: 103 minutos
Exibição: 2019

  • Sinopse: Para quem gosta de filme de guerra, este é um prato cheio. Baseado em fatos reais, Battle of Jangsari conta a história de um grupo de 772 estudantes soldados, treinados por apenas duas semanas, e com idade média de 17 anos (no cálculo coreano) que realizaram uma importante operação de desvio na praia de Jangsari, na vila de Yeongdeok, para atrair a atenção norte-coreana de Incheon, durante a Guerra das Coréias, em 1950. Eles arriscaram suas vidas para ajudar a garantir o sucesso da posterior Batalha de Incheon.

sexta-feira, 29 de novembro de 2019

SHINee | Shiny Fundation e o apelo dos shawols sobre a conta do JongHyun no Twitter.

Do apelo dos shawols ao agradecimento inesperado que nos encheu de lágrimas nos olhos!

Eu não me canso de falar de que faço parte de um dos fandoms mais maravilhosos da Era KPOP. Em Dezembro de 2017, o SHINee World sofreu uma enorme e imensurável perda com a morte do Jonghyun e isso abalou o kpop numa escala indescritível. O SHINee é um dos grupos mais famosos da indústria e, na época, se preparava para comemorar 10 anos de carreira. Para falar a verdade, aprendi muito com os meninos e com o fandom sobre "como superar uma perda". - Eu explico aqui e um pouco, neste link, também.

Memórias


Quando a NASA noticiou que levariam uma playlist para a Lua, os shawols se mobilizaram para fazer com que fossem acrescentadas nela as músicas "Selene 6.23" e "Moon". Ambas as músicas foram escritas pelo Jonghyun: a primeira para o álbum do SHINee, The Misconceptions of You, e a segunda para o seu álbum solo, She Is.

segunda-feira, 21 de outubro de 2019

SuperM | Do debut ao topo das paradas na Billboard 200: o trajeto percorrido e os obstáculos no caminho.

Desde seu anúncio oficial, o SuperM vem enfrentando grandes batalhas na Indústria Musical. Como falei neste artigo, o SuperM foi criado a pedidos da Capitol Records, a partir de 4 (quatro) grandes outros grupos da SM Entertainment, tendo em sua formação o Taemin do SHINee, o Kai e o Baekhyun do EXO (este, escolhido como o líder do SuperM), o Mark e o Taeyong do NCT e o Lucas e o Ten do WayV.


Muitas dúvidas surgiram e preocuparam os fandoms destes grupos. Eles se questionavam se os grupos originais seriam prejudicados com a formação deste super-grupo.
No artigo em que falei do SuperM, deixei claro que esta era uma preocupação infundada, uma vez que já havia sido esclarecido que os grupos originais teriam preferência sobre este e que, muito embora fosse, de fato, um novo grupo, as promoções ocorreriam, principalmente, no mercado fonográfico dos EUA e, em segundo plano, na Coreia do Sul, sem atrapalhar as promoções dos grupos originais.


Mesmo parecendo óbvio que a intenção desta parceria entre a Capitol Records e a SM fosse fazer do SuperM, uma "Super Unit", alguns fãs não aceitaram muito bem a ideia e pediram o 'disband' do grupo (o fim definitivo) logo após o seu anúncio oficial.
As empresas tentaram controlar a repercussão negativa lançando lives dos membros do SuperM, no Instagram, onde eles claramente pediam apoio aos fãs e mostravam a química já existente entre eles. - Aliás, devo agradecer às empresas, que fizeram o Taemin gostar da coisa e não só fazer um instagram, coisa que nós, shawols, esperávamos há 11 anos, como também fazer um monte de lives depois disso, embora ainda precise aprender a salvá-las rsrs. - Para alguns fandoms, isso foi suficiente para acalmar a ansiedade e a preocupação. Para outros, nem tanto.
Muitos fãs, ainda, preferem entrar em discussões com a SM, acerca do grupo original, exigindo maior investimento, sem aparentemente entenderem que quem está investindo pesado no SuperM é a Capitol Records, e outros, pior ainda, preferem as brigas entre si sobre "quem está promovendo quem", numa disputa de egos - que nem vale a pena enaltecer por aqui - esquecendo-se que todos começaram do zero e foram trainees na mesma empresa, e que também receberam ajuda, de uma ou outra forma, dos grupos já consolidados na indústria musical coreana quando debutaram.


De todo modo, toda a repercussão negativa não foi o suficiente para acabar com o SuperM, antes mesmo dele começar. Em 4 de Outubro de 2019, nos EUA, o SuperM oficialmente debutou (estreiou, na linguagem do Kpop) e abriu o seu caminho para o mercado Ocidental e para os outros grupos que o compõe.
Como eu disse, acima, ao aceitar a parceria com a Capitol Records, o Lee SooMan (co-fundador e presidente da SM) fez uma jogada de mestre: Ele não só alcançou o objetivo do SuperM, como um super-grupo que se lançou como "os vingadores do kpop", como promoveu os grupos envolvidos em sua criação, através desta "super-Unit". 
Para entenderem o que eu quero dizer, vou explicar três importantes pontos: O que são Units, o conceito de "Avengers of the Kpop" e a "Sinergia Diferente do Grupo" prometida pelos parceiros 'Capitol Records' e 'SM Entertainment'. 

Paginação numerada



Subir